domingo, 8 de abril de 2018

13 dicas que vão te ajudar a praticar o sexo tântrico


Imagem relacionada

A prática, de origem oriental, promete uma grande melhoria na vida sexual.

Você sabe o que é sexo tântrico? A prática de origem oriental promete uma grande melhoria na vida sexual, através de uma técnica de conexão consigo mesmo. A grande meta para o tantrismo é ir além do carnal e atingir o nível espiritual. Por isso que essa filosofia não dá tanta importância à ejaculação - o mais importante é que o casal desfrute de cada momento da relação sexual!
A prática requer uma grande preparação mental, então acaba sendo mais fácil para quem já realiza algum tipo de relaxamento ou meditação. Confira essas 13 dicas que vão te ajudar a praticar o sexo tântrico e divirta-se:

 1. Não tenha pressa
A prática não é rápida (muito pelo contrário). Enquanto o sexo convencional se baseia em preliminares e ejaculação, no sexo tântrico as carícias, beijos demorados, sussurros e olhares ocupam um lugar central.

2. Experimente fazer uma massagem tântrica no seu parceiro(a)
A massagem tântrica também é baseada na filosofia do Tantra, então segue os mesmo princípios de liberação da energia sexual. Escolha um óleo com aroma agradável, crie um ambiente com luz baixa e comece massageando seu parceiro(a) da cabeça aos pés, focando nas zonas mais sensíveis e erógenas, como virilha, bumbum, coxas e orelhas. O importante é não deixar nenhuma região esquecida!

3. É preciso conter a ejaculação
O objetivo final do sexo tântrico é retardar ao máximo a chegada da ejaculação masculina, para que a mulher obtenha o maior número de orgasmos possíveis. Então, quanto mais o homem conseguir segurar, melhor.

4. Tente a posição do abraço tântrico
No abraço tântrico, a mulher entrelaça seus braços e pernas em volta do corpo do parceiro, sentada de frente para ele. Assim o contato corporal e íntimo é privilegiado, facilitando a prática.

5. Deixe os brinquedos sexuais de lado
Não há nada de errado no casal que gosta de incorporar brinquedos durante a relação sexual, mas no tantrismo o contato humano deve ser privilegiado em todos os momentos. Então se quiser praticar o sexo tântrico, é bom deixar os acessórios de lado.

6. Concentre-se na sua respiração, que deve ser calma e profunda
Um dos jeitos mais fáceis de obter a calma e um maior relaxamento do corpo é se concentrar na respiração, por isso, a tática é perfeita para ser aplicada no sexo tântrico.

7. Pratique fora da cama
Recomenda-se praticar o sexo tântrico no chão ou sobre um edredom macio, pois na cama alguns movimentos são mais difíceis de realizar.

8. Viva o momento presente
Um dos mandamentos do sexo tântrico é viver totalmente no momento presente, se conectando com o aqui e agora. É importante deixar de lado as preocupações, o stress e todos os pensamentos não-relacionados com a prática.

9. Aceite a si mesmo e o seu parceiro(a)
Não existe espaço para inseguranças! O tantrismo defende que você precisa aceitar o seu corpo e sua mente por completo, da mesma forma que você deve aceitar o corpo e a mente do seu parceiro(a).

10. Prefira movimentos harmônicos e naturais
Não precisa complicar com posições malucas e ousadas. O mais recomendado é escolher uma posição confortável para os movimentos acontecerem naturalmente.

11. Expresse suas sensações e pensamentos
É muito importante expressar exatamente o jeito que você está se sentindo! O que é bom, o que é ruim, o que está funcionando e o que não está.

12. Frequente cursos de yoga ou outros tipos de relaxamento
Conseguir alcançar o ápice da meditação é praticamente essencial para o tantrismo. Se a pessoa ainda está ligada mentalmente com as coisas físicas, ou seu parceiro, provavelmente ainda será preciso muita prática para conseguir atingir o êxtase.

13. Use a palavra-chave: experimentar
O sexo tântrico é uma prática que está ligada aos experimentos corporais do casal, em que cada um explora ao máximo o corpo do outro, de modo que consigam alcançar o máximo da sua energia sexual. Então experimentar coisas diferentes nunca é demais!





Fonte: Obaoba.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário